Para-sol para lente fotográfica

[sc:script ]

Conteúdo


Introdução

O para-sol é um acessório acoplável à lente para evitar os reflexos indesejados de luz na lente e a difusão de seus raios até o sensor, com o consequente clareamento em uma área da foto. Fontes de luz muito fortes, como o sol, refletores, lâmpadas de estúdio ou um fundo branco podem causar esses efeitos.

Na prática, o termo “flare” refere-se às linhas e bolas de luz que aparecem na foto, e o “glare” é um brilho intenso que, em sua volta, há pouco contraste e saturação, além de alteração de cores e balanço de branco. O uso do para-sol pode impedir esses efeitos, por proteger a foto da incidência da luz.

lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; parasol; parassol

Foto com flare (bolas e pontos com brilho) e glare (manchas claras).

lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; moto; motocross; freestyle; superzoom; parasol; parassol lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; moto; motocross; freestyle; superzoom; parasol; parassol

Exemplo de fotos sem para-sol (em cima) e com para-sol (embaixo). Estas fotos foram tiradas num evento de motocross à noite, sob forte iluminação de holofotes de diversas direções, e não foram pós-processadas em nenhum programa de edição de imagens. Percebe-se que após a colocação do para-sol, o contraste da foto ficou muito melhor, e as cores mais condizentes com as cores reais. A maior diferença pode ser notada com facilidade nas partes escuras das fotos: na foto sem para-sol, a cor preta aparece acinzentada, resultado do reflexo dos holofotes na lente.

 

Normalmente, o para-sol é um acessório individual para cada modelo de lente, já que ele é feito para ser longo o suficiente para bloquear a entrada da luz lateral, mas também curto o suficiente para evitar o efeito vinheta na foto. Como cada lente tem uma distância focal diferente (além de outras diferenças), cada para-sol é próprio para cada tipo de lente. Ele deve ser preto por dentro e por fora, para absorver a luz – e por dentro deve ter acabamento anti-reflexivo.

lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; para-sol tulipa; para-sol de pétala; para-sol corola; parasol; parassol

Detalhe mostrando as ranhuras que fazem parte do revestimento anti-reflexivo de um modelo de para-sol (alguns modelos têm apenas uma pintura especial que não reflete a luz).

 

Os para-sóis para as lentes de zoom são projetados para o seu ângulo mais aberto (wide), de forma que o efeito vinheta na imagem seja evitado (ou pelo menos minimizado) em qualquer zoom e f/stop. Por exemplo, são projetados para 18mm no caso de uma lente 18-55mm, e para 55mm no caso de uma lente de 55-200mm.

Por isso, geralmente, o para-sol é um pouco menos efetivo em lentes de zoom se compararmos com para-sóis projetados para lentes fixas (primárias).

Rosquear o para-sol na lente não é difícil; porém leva um tempo, que ainda que mínimo, pode acabar com um momento a ser fotografado. Nem todos os para-sóis são rosqueáveis – alguns são de encaixe. Muitos deles podem ser colocados na posição invertida quando não estão sendo usados, como se fosse uma capa para a lente, de forma que não ocupem espaço.

lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; parasol; parassol

Muitos fotógrafos evitam usar o para-sol junto com filtros polarizadores, já que o para-sol atrapalha o manuseio destes.

Os para-sóis não protegem a lente apenas de luz indesejada, mas também servem para proteger a lente de:

  • poeira, areia e neve (não impede o contato mas é mais uma camada de proteção);
  • respingos de água ou maresia (em dias chuvosos ou em praias, piscinas, cachoeiras, etc);
  • danos por pessoas e objetos (como marcas de dedos, esbarrões, ou para fotografias de esportes, principalmente com bola!);
  • danos por possíveis quedas do fotógrafo e da própria câmera (durante uma queda, o para-sol pode não impedir de destruir a lente mas ao menos pode protegê-la, o que já é alguma coisa!).

Tipos de para-sol

lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; para-sol cilíndrico; para-sol tulipa; para-sol de pétala; para-sol corola; parasol; parassol

  • Cilíndrico – para lentes de zoom de distâncias focais variáveis. Os para-sóis crescem em tamanho – e eficiência – de acordo com a maior distância focal e o menor ângulo de visão. Eles são mais longos para lentes de maior distância focal pois estas têm um ângulo menor de visão comparadas às grande angulares. Os de lentes de telezoom são longos.
  • De pétala, tulipa ou corola – para lentes fisheye e grande angulares. Normalmente não são de rosquear, já que uma posição incorreta pode causar o efeito vinheta ou que o próprio para-sol apareça na foto. As abas maiores devem ficar na horizontal. Veja imagem explicativa abaixo.
  • Cônico ou retangular – para lentes grande angulares, porque quando em grandes aberturas, os cilíndricos poderiam cortar partes da foto.
  • Quadrado – para utilização com filtros tipo lâmina.

para-sol; flare; glare; lens hood; parasol; parassol

cc licensed ( CC BY ) flickr photo
shared by pulaw
adapted by CameraNeon.com


lente; fotografia; para-sol; flare; glare; lens hood; para-sol tulipa; para-sol de pétala; para-sol corola; certo e errado; posição; parasol; parassol


Materiais

  • Tradicional (de metal ou plástico rígido) – mais fáceis de achar no mercado, e mais comumente usados (foto acima).
  • De borracha – não protege a lente de possíveis danos físicos, mas evita os reflexos indesejáveis da luz nas fotos. A maior vantagem é que os para-sóis deste material são dobráveis, tendo diferentes variações de tamanho. Quando não estiverem sendo usados, podem ser dobrados por cima da lente. O movimento da dobra é rápido, e assim não se perde o momento a ser fotografado. Veja fotos do para-sol de borracha aqui.
  • De papel – assim como falado no item anterior, o para-sol de papel não protege a lente de possíveis danos físicos, mas evita os reflexos indesejáveis da luz nas fotos. O bom é que é de graça, e você pode imprimir e montar o seu em casa! Veja esse site: http://www.lenshoods.net/

Também podem ser encontrados para-sóis extensíveis, que podem ficar mais compridos quando usados com lentes de maiores distâncias focais, e mais curtos para lentes de menores distâncias focais. São similares, em forma, aos foles ou tubos de extensão para macrofotografia.


Tipos de lentes X flare

LENTES SUSCETÍVEIS AO FLARE? POR QUÊ?
De distância focal fixa (primárias) Pouco Têm menos camadas de vidro.
Mais modernas Pouco Costumam ter revestimentos anti-reflexo.
Grande angular Pouco Por terem um ângulo de visão muito amplo, elas têm tratamento especial para que reflitam menos a luz.
De zoom e superzoom Médio Têm muitas superfícies internas que podem refratar e difratar a luz.
Mais antigas (principalmente Leica e Hasselblad) Bastante – até por luzes mais fracas Por não ter revestimentos especiais anti-reflexo (que as lentes mais novas apresentam).

 

Que para-sol usar com a minha lente?

Verifique no manual da sua lente qual para-sol é o mais adequado para a mesma. Há variações de tamanhos e materiais de para-sóis – como já falado anteriormente – mas também os encaixes com a lente e os diâmetros variam. E quando comprar uma lente, verifique se o para-sol já vem junto.

Existem diversos fabricantes de para-sóis genéricos. Uma lente da Sigma não precisa, necessariamente, de um para-sol da mesma marca. O preço dos para-sóis genéricos é menor, mas antes de comprar, preste atenção se a firmeza e o encaixe na lente são bons. Compare com os para-sóis da mesma marca da lente.


Manuais e documentação

Os documentos a seguir mostram tabelas com os modelos e códigos de para-sóis específicos para cada lente dos seguintes fabricantes:


Publicado por Câmera Neon em 2013-06-27 00:53:00. Última atualização em . [sc:end2 ]

Visitado 13,752 vez(es), 1 visita(s) hoje